CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 69 – Uma Deusa Desce (Fim do Vol. 1)

Dual Cultivation (DC)

Capítulo 69 – Uma Deusa Desce (Fim do Vol. 1)

Tradução: Blue Sparky | Revisão: Alluna Idle

“Irmão júnior Su, você finalmente voltou!”

Quando as discípulas notaram-no descendo as escadas, elas correram até ele com expressões ansiosas em seus rostos.

“Como está a condição da Mestra?” Todas perguntaram.

“Tudo foi resolvido, ela ficará bem depois de mais um pouco de descanso.” Ele disse.

“O que aconteceu lá em cima? Por que levou tanto tempo?” Alguém questionou-o.

“Além de conversar, mais nada aconteceu na verdade. Eu acho que só estávamos tão focados no tópico que nem notamos o tempo passar...”

“Então foi isso...”

Embora as discípulas ainda estivessem incertas do que aconteceu escada acima, enquanto sua Mestra estivesse bem, elas realmente não se importariam com o resto dos detalhes.

Depois que elas agradeceram Su Yang mais algumas vezes, ele foi embora.

Uma vez que partiu, Su Yang foi ao seu alojamento.

Após chegar em sua casa, Su Yang pulou no telhado e silenciosamente sentou lá com seu olhar para a lua crescente que estava mais bonita e mais brilhante que qualquer noite anterior.

“Que lua bonita...” Vendo a elegante lua que estava suspensa no céu estrelado como uma peça de arte, Su Yang lembrou de sua vida anterior com a Deusa da Lua, onde a lua sempre brilhava lindamente apenas de ser olhada por ela.

“É quase como se você ainda estivesse aqui do meu lado, mas cá estou eu... sozinho...” Su Yang suspirou.

Sempre que ele tivesse tempo, ou sentisse nostálgico, sempre haveria alguém em sua mente, pois essa era sua única maneira para lidar com a solidão que estava enterrada em seu coração.

O tempo passou lentamente enquanto Su Yang continuava olhando para a requintada lua, aparentemente perdido em seus pensamentos. No entanto, seus sonhos foram interrompidos de repente quando um vento gentil soprou pela área.

Sentindo o vento, Su Yang empurrou seus pensamentos para o fundo de sua mente e levantou-se.

Ele então começou a olhar ao redor do local, como se estivesse procurando por algo.

Contudo, alguns momentos depois, quando ele não conseguiu ver nada fora do comum, começou a falar alto para o ar.

“Embora eu não consiga ver você, nem seja capaz de sentir sua presença, eu posso sentir seu olhar profundo direto em mim.”

Ninguém respondeu nada.

“Eu sei que você pode me ouvir.”

De novo, sem resposta.

“Quem é você e o que você quer de mim?” Su Yang tentou novamente.

Ainda sem resposta.

Se houvesse outra pessoa para testemunhar suas ações agora, eles com certeza ficariam convencidos de que o garoto era louco.

Nesta altura, Su Yang estava se sentindo desconfiado, até mesmo preocupado. Embora só fosse apenas por uma fração de segundo, ele tinha certeza de que havia sentido alguém olhando para ele. Quem poderia ser essa pessoa que mesmo ele não conseguia sentir?

Esqueça sobre cultivadores no Reino Espiritual Terrestre, mesmo aqueles no Reino Espiritual Celestial não seriam capazes de escapar de seus sentidos extraordinários que foram melhorados pela técnica dos Olhos Celestiais que Tudo Veem. Alluna: Eu não sei se vocês conseguem saber o quanto eu odeio essas perguntas idiotas, mas, para comparar, eu diria que odeio elas tanto quanto todos odeiam o Shou Tucker…// Blue: Acho que meu ódio pelo Tucker é maior que isso daí...

Seus Olhos Celestiais que Tudo Veem não só lhe permitiam distinguir bestas com núcleos de monstro daqueles que não tinham, mas também melhoraram seus sentidos por muitas dobras, lhe permitindo ver e sentir coisas que normalmente eram impossíveis para alguém no seu nível de cultivo.

.......

Em algum lugar atrás das nuvens noturnas, uma figura de cabelo prateado encarou Su Yang, se sentindo espantada pelos seus sentidos profundos.

Pensar que alguém no Reino Espiritual Profundo seria capaz de sentir sua técnica de ocultação apenas porque ela olhou para ele.

“Ele não só foi capaz de colher a Flor Extremo Yin, como também tem essa sensibilidade ridícula...”

Assim que a figura de cabelo prateado se revelou devido a sua curiosidade, a voz de Su Yang de repente ressoou novamente.

“Você está claramente acostumada a se esconder, mas eu duvido que mesmo alguém no Reino Espiritual Soberano seria capaz de esconder bem como você, no Reino Espiritual Divino, talvez?”

As palavras de Su Yang atordoaram a figura de cabelo prateado, mas o que a chocou não foi sua especulação de que ela estava no Reino Espiritual Divino, mas sim o seu conhecimento do Reino Espiritual Divino que a surpreendeu tanto!

O conhecimento das bases de cultivo, e cultivo no geral, estava em grande falta neste mundo.

Tanto que nem mesmo aqueles no Reino Espiritual Soberano tinham pouco a nenhum conhecimento do Reino Espiritual Divino que estava acima de seu estágio atual, ainda assim por que tal conhecimento veio da boca de um jovem mortal que nem mesmo estava no Reino Espiritual Verdadeiro? Para não mencionar a voz límpida com que ele falou, que claramente mostrava sua familiaridade com o Reino Espiritual Divino.

O interesse da figura de cabelo prateado para com Su Yang aumentou instantaneamente. Ela queria saber como esse mortal sabia do Reino Espiritual Divino e onde ou como ele aprendeu.

.....

“Então? Quando você vai se revelar? Você com certeza não veio todo o caminho até aqui apenas para olhar para meu lindo rosto, certo?”

Apesar da completa falta de resposta, Su Yang não desistiu de tentar convencer seja lá quem estivesse o observando nas sombras para sair e continuou falando com o ar, seu olhar estava constantemente tentando encontrar esse indivíduo.

Alguns momentos depois, Su Yang alcançou seu objetivo quando uma voz celestial de repente ressoou em seus ouvidos.

“Primeiro a Flor Extremo Yin, agora isso... Você realmente é um indivíduo interessante...” Disse a voz celestial.

“Uma mulher?” Su Yang teve um sentimento de familiaridade com a voz celestial embora tivesse certeza de que ele nunca havia ouvido-a antes.

De repente, a luz do luar ao redor começou a iluminar como mágica e uma figura esguia apareceu detrás das nuvens que estavam bem acima de Su Yang.

Essa figura era extremamente bela, tão bela que chamá-la de deusa não seria um exagero, mas um eufemismo.

Ela tinha olhos e um longo cabelo prateado que, aparentemente, se misturavam com a luz do luar que iluminava o cenário. Suas vestes brancas se agitaram de uma maneira antinatural, fazendo-a parecer com uma deusa descendo dos céus, e cercando-a estava uma aura sobrenatural que não podia ser descrita com palavras.

Quando Su Yang viu o rosto inigualável desta figura pela primeira vez, seus olhos imediatamente se arregalaram em choque, e seu coração bateu como tambores de guerra.

“Y... Yuehai?”

A imagem da Deusa da Lua subitamente apareceu na sua mente, pois ela também tinha cabelo e olhos prateados como esse indivíduo voando. Porém, depois de dar outra olhada, Su Yang rapidamente descartou aquele pensamento, pois elas somente tinham a aparência similar.

“Não... Essa não é a Yuehai... mas sinto que já a conheci antes...”

De repente, como se ele fosse esclarecido, a figura de outro indivíduo apareceu em sua mente, mas diferente da madura Deusa da Lua, essa figura era muito menor...

“Impossível...”

Su Yang não queria acreditar de começo, mas por mais duvidoso que ele estivesse com suas próprias especulações, quanto mais ele olhava para o rosto dessa garota de cabelo prateado, mais semelhante ele achava com o indivíduo em sua mente.

“Qiuyue?” Ele murmurou com uma voz estupefata, que foi claramente ouvida pela figura de cabelo prateado.

“O que você acabou de dizer?” A beldade de cabelo prateado instantaneamente parou todos os seus movimentos no momento que ouviu o murmúrio de Su Yang, seu rosto cheio de choque e confusão.

No entanto, quase um instante depois, ela franziu e liberou sua base de cultivo inteira e direcionou para Su Yang, que foi incapaz de se proteger da pressão tirânica, fazendo-o cuspir um bocado de sangue.

“Quem é você?!” Ela exclamou alto, seu olhar estava cheio com cautela: “Você é alguém dos Quatro Céus Divinos?! O Palácio Lunar Sagrado te enviou aqui atrás de mim?! Responda-me agora mesmo, antes que eu comece rasgar seus membros e force você a falar!”

“...”

A beldade de cabelo prateado tinha esperado que Su Yang começasse a implorar por sua vida e revelasse sua identidade depois de suas ameaças, mas chocantemente, Su Yang não fez nada disso e, em vez disso, ele permaneceu ali com um grande sorriso no seu rosto que ainda estava pingando com sangue.

Quando a beldade de cabelo prateado notou seu olhar de afeição e alegria, um sentimento estranho cresceu dentro de seu coração, fazendo-a inconscientemente enfraquecer a pressão nele.

“Responda-me! Quem é você e como você sabe meu nome?!” Ela repetiu, sua voz cheia de incerteza.

Ouvindo sua pergunta novamente, Su Yang endireitou suas costas e entrelaçou suas mãos atrás dela.

“Quem você acha que eu sou, Pequena Qiuyue...? Embora minha aparência possa ter ficado mais jovem, eu não devo parecer tão diferente do ‘eu’ em suas memórias... Talvez alguns tapas em sua bunda te ajudarão a lembrar...” Ele disse para ela com um tom que era diferente de qualquer tom que ele já falou até agora.

A beldade de cabelo prateado chamada Qiuyue de repente estremeceu violentamente.

Ela olhou para ele com um olhar vacilante, e seus lábios se moveram lentamente...

“Es-Esse tom− I-I-Impossível! Você... você... você devia estar morto!!!” Ela exclamou alto, soando como um gato aterrorizado, e seu rosto empalideceu, como se estivesse olhando para um fantasma.

Por Blue Sparky | 28/01/21 às 23:44 | Artes Marciais, Harém, Adulto, Cultivo, +18