CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 76 – O Que Mais Você Está Escondendo de Mim?

Dual Cultivation (DC)

Capítulo 76 – O Que Mais Você Está Escondendo de Mim?

Tradução: Blue Sparky | Revisão: Alluna Idle

“Que espetáculo para se ver.” Disse Su Yang, com uma voz calma.

“...”

A examinadora permaneceu em silêncio, mas seu rosto parecia mais corado que um há alguns segundos.

Depois de outro instante, Su Yang continuou: “Ainda temos mais de meia hora sobrando para essa avaliação...” Ele disse enquanto suas mãos se aproximavam do corpo dela novamente.

“Es-Esp-Espera... Eu não me recuperei aind−”

Sem dar uma chance para a examinadora descansar, Su Yang disse: “Sênior, eu sinceramente desejo me tornar um orgulhoso discípulo do Pátio Interno da Seita da Flor Profunda, então eu levarei esse exame com sinceridade absoluta! Até esta avaliação terminar, eu darei o meu máximo!”

“S-Su Yang, seu bastardo! Eu sei que jogo você está tentando jogar! Não ouse tentar sua sorte comigo− Ahhh~”

No meio de sua sentença, ela de súbito sentiu os dedos de Su Yang acariciarem seus lábios inferiores, fazendo seu corpo sentir espasmos para se flexionar para cima como uma ponte.

“Não se preocupe, Sênior. Eu tentarei o meu melhor pelas próximas meia hora na esperança de não desgraçar a seita...”

“Vo-Você está sério?” A examinadora olhou para ele com um olhar aterrorizado. Ela estava preocupada que se Su Yang continuasse a massageá-la pelas próximas meia hora, sua mente enlouqueceria de um prazer intenso. Em outras palavras, ela estava com medo de ficar tão viciada nesse sentimento que não seria capaz de se controlar.

“Isso soou como se eu estivesse brincando?” Su Yang falou, com espanto: “Eu estou levando esse exame com muita seriedade, e você também deveria! Eu não tenho tempo para piadas.” Ele disse enquanto colocava seus dedos na caverna viscosa dela. Alluna: Começamos bem… “caverna viscosa”...

“Aaaaahhhh~” Os olhos da examinadora rolaram para trás, e sua língua saiu para fora de sua boca, fazendo uma expressão obscena. Blue: É ahegao que chama né? // Alluna: Eu acho que sim Bluezin kkk

Segundos que pareciam horas rapidamente se tornaram minutos, e no momento em que a meia hora passou, a examinadora mal era capaz de permanecer consciente. Sua figura inteira estava encharcada, como se ela tivesse acabado de sair de uma sauna a vapor. A parte inferior de seu corpo estava estremecia sem parar, e líquido ocasionalmente sairia de seus lábios inferiores.

“Sênior, se passou uma hora... agora deixarei você sozinha e te darei tempo para julgar a minha performance vergonhosa.” Disse Su Yang enquanto ajustava suas vestes e apertava a faixa em sua cintura.

A examinadora não respondeu, apenas permaneceu ali, em silêncio. Entretanto, para ser preciso, ela não era capaz de responder ele, pois exaustão havia roubado sua voz, impossibilitando-a de sequer balbuciar.

Porém, quando Su Yang saiu do quarto, seus olhos seguiram os movimentos dele, e dentro de seu olhar piscou com muitas emoções complicadas.

“Eu realmente nunca entendi porque eles queriam enviar alguém como ele para essa seita, mas eu acho que agora estou começando a entender os pensamentos dele mais claramente...” Ela suspirou internamente.

.........

Assim que ele deixou a sala de avaliação, a mulher idosa que estava esperando do lado de fora olhou para ele: “Quais são os resultados? Você conseguiu passar, ou ela teve uma expressão entediada no rosto a avaliação inteira, como de costume?”

Su Yang sorriu para a pergunta dela, e deu de ombros.

“Ela não me deu uma nota ainda, então até eu não sei os resultados.” Ele disse num tom composto, soando como se não estivesse nenhum pouco preocupado com os resultados. Alluna: O que diabos seria um “tom composto”? A princípio eu imagino que seja algo como um tom que “carregava muitas coisas”, mas não sei dizer bem se é isso… Respondam-me, com a interpretação de vocês, nos comentários, por favor.// Blue: Pra mim é algo sem muita preocupação e seriedade.

“Hmm? Isso é estranho... você normalmente receberia os resultados antes de sair da sala. Falando nisso, onde está a Mestra-” Ela parou antes de completar sua frase, tossiu forçadamente e continuou, com uma expressão intrigada: “Sua examinadora?”

“A sênior ainda está dentro da sala, mas eu não acho que ela vá sair por algum tempo.” Disse Su Yang, de uma maneira que fez soar como se tudo estivesse bem.

“Por que ela não vai sair? Algo aconteceu com ela?” Ela questionou.

“É um pouco complicado, mas se você perguntar para ela, tenho certeza que você entenderá a situação.” Ele respondeu, com um sorriso discreto.

“Complicado?” A mulher idosa franziu a testa para as palavras dele. Quais complicações poderiam haver com a examinadora, cujo status real excedia muito o dele, quando era só um mero exame de Pátio Interno que eles estavam falando? Alluna: Tem umas horas que essas perguntas são, além de horríveis, muito ruins de entender. Pra casa do caralho LittleBrother!

Su Yang então continuou: “Eu estarei indo embora por agora. Até que os resultados sejam finalizados, vou estar dentro do meu alojamento, então você será capaz de me achar lá.”

A mulher idosa não parou Su Yang quando ele saiu pela porta. Ao invés disso, ela entrou na sala que foi usada para avaliar Su Yang.

No entanto, após entrar na sala que estava estranhamente úmida, a mulher idosa gritou de choque para a cena inimaginável e de esbugalhar os olhos que estava diante dela.

“Ma-Mat-Matriarca!”

A Anciã da Seita correu para apoiar a examinadora, que era um dos dois Mestres da Seita da Seita da Flor Profunda. Alluna: Zimmer acertou mesmo, era a filha da puta da Matriarca, que em vez de estar resolvendo os assuntos com as discípulas femininas, estava indo dar a bct pra moleque folgado… Novamente, vá “profundamente” para o inferno, LittleBrother!

Contudo, quando a Anciã da Seita chegou perto o bastante para tocá-la, a Mestre da Seita disse para ela com uma voz em pânico: “Não me toque! Meu corpo está muito sensível agora e vou ficar louca com o mínimo toque!”

Vendo o estado vergonhoso em que a Matriarca estava atualmente, um fogo começou a queimar nos olhos da Anciã da Seita.

“Isso tudo foi causado por aquele discípulo?! Eu vou achar ele agora e−”

“Espera!” A Matriarca rapidamente impediu ela de sair correndo pela porta para capturar Su Yang.

“Me desculpe que você tenha que testemunhar tal visão vergonhosa minha, mas esqueça tudo o que viu aqui, e mais importante, não toque em Su Yang!”

“O quê? Por que você está tentando proteger ele? Ele não é o motivo que você está parecendo desse jeito?” Perguntou a Anciã da Seita atordoada.

Como ela ainda poderia proteger Su Yang, que claramente tinha ultrapassado seus limites? Sem falar que ele era um simples discípulo do Pátio Externo! Pelo amor de Deus, um mero discípulo que ainda nem era um discípulo do Pátio Interno tinha aparentemente atacado a Matriarca! Se o Patriarca soubesse desse incidente, ele com certeza viraria a seita de cabeça para baixo de raiva! Alluna: Eu juro a vocês que minha vontade aqui foi de simplesmente apagar todo este parágrafo e foda-se, mas não posso, infelizmente…

“Eu sou a culpada por esse incidente...” Suspirou a Matriarca: “Eu tenho meus motivos para aparecer no Salão de Avaliação hoje, especialmente como examinadora dele. Mas também é verdade que não esperava um resultado assim...”

“As técnicas dele... não esperava que ele tivesse tais técnicas assustadoras ocultas dentro dele todo esse tempo!”

A Matriarca podia sentir a temperatura de seu corpo aumentar novamente quando lembrou a maneira que ele manuseou seu corpo.

A Anciã da Seita ficou sem palavras. Por que a Matriarca tinha um sorriso em seu rosto neste momento?

“Além disso, ele é apenas um discípulo que está no Reino Espiritual Profundo enquanto eu estou no Reino Espiritual Terrestre, se eu não aprovasse suas ações, ele ainda seria capaz de sair por aquela porta depois do que fez comigo?” Disse a Matriarca, que de repente estreitou os olhos para a Anciã da Seita e continuou falando em voz baixa: “De qualquer forma, esqueça sobre o que aconteceu aqui hoje. Se eu ouvir até mesmo um leve rumor do que aconteceu hoje, você será a primeira que visitarei! Esse é um Decreto Oficial meu, a Matriarca!” Alluna: Ownt, que bonitinho, quem nem resistiu aos dedinhos de um moleque de merda agora está toda tiltadinha com uma Anciã da Seita… kkkkkkkkkk, essa novel é ruim demais, na moral// Blue: Se eu apanhasse feio pra uma criança e alguma pessoa visse, eu também ameaçaria ela, só que no meu caso ia acabar apanhando dessa pessoa também e virado motivo de chacota...

Quando a Anciã da Seita viu a intenção assassina nos olhos da Matriarca, ela rapidamente percebeu que a Matriarca não estava brincando e que ela definitivamente seria morta se vazasse um pequeno pio sobre o que aconteceu aqui hoje.

“Es-Est-Esta discípula entende e obedece ao decreto da Matriarca!”

A Matriarca sorriu levemente e disse: “Bom, agora saia e me deixe descansar por um tempo. Você já viu o bastante da minha exibição vergonhosa.”

A Anciã da Seita rapidamente saiu da sala e deixou a Matriarca sozinha.

Quando ela fechou a porta, ela percebeu que suas vestes estavam molhadas de suor. Embora a Matriarca normalmente fosse descontraída, uma vez que ela ficasse séria, então mesmo o Patriarca podia se encolher de medo! Alluna: O melhor é o roteiro falando essas merdas depois do que aconteceu no capítulo anterior kkkkkkkkkkkk, na moral, novamente, mais uma vez, vá “profundamente” para o inferno, LittleBrother kkkkk

.........

Ainda dentro da sala, a Matriarca sentou lentamente depois que ganhou um pouco de força.

“Aquele pequeno patife do Su Yang... Pensar que ele estava escondendo um talento tão inesperado de mim por tanto tempo!” Ela riu alto.

Ela então usou seus dedos para cavar dentro de sua própria caverna rosada, como se ela estivesse procurando por algo dentro do buraco.

Depois de um momento, ela retirou seus dedos que estavam cobertos com algum tipo de substância pegajosa.

Levando alguns segundos para olhar, ela começou a chupar os dedos de uma maneira erótica, provando a substância pegajosa que estava em seus dedos junto com sua própria água sagrada. Alluna: Parece que o Su Yang “gozou” com a cara dela, não é mesmo? kkkk, como sou idiota…// Blue: Esse é o espirito, desligue o cerebro, não procure o sentido em nada e apenas aprecie...

“Eu posso provar a Flor Puro Yang dentro de seu Yang... e em bastante quantidade, também...” Ela murmurou para si, e um sorriso enorme apareceu em seu rosto amável: “O que mais você está escondendo de mim, seu pequeno patife?”

Por Blue Sparky | 08/02/21 às 08:29 | Artes Marciais, Harém, Adulto, Cultivo, +18