CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 87 – História de Ninar

Dual Cultivation (DC)

Capítulo 87 – História de Ninar

Tradução: Blue Sparky | Revisão: Chu

Liu Lanzhi continuou parada ali com uma expressão pensativa depois de vários momentos de silêncio.

Embora ela não quisesse aceitar alguém que não era nem mesmo um discípulo da seita se tornar o Patriarca, ela realmente não tinha outra escolha, pois seu poder aparentemente era enorme para uma pequena seita como a Seita da Flor Profunda.

Adicionalmente, se o que ele disse era verdade − que ele estava disposto a proteger a seita e até lhes conceder algumas técnicas de cultivo, então o status da seita dentro do Mundo do Cultivo pode até mesmo subir aos céus, permitindo-lhes pairar ao lado dos nomes verdadeiramente grandes neste mundo!

A posição atual da Seita da Flor Profunda dentro do Mundo do Cultivo não era nada digna, até mesmo pareciam com formigas aos olhos de gigantes como a Seita da Espada Divina, mas com a aparição desse velho monstro, talvez eles pudessem se tornar algo maior que apenas formigas.

Liu Lanzhi de repente fechou os olhos, suspirando em um tom de derrota. Ela então começou a abaixar seu corpo até ficar ajoelhada no piso.

“Liu Lanzhi cumprimenta o Patriarca!” Ela disse alto.

Vendo isso, Su Yang assentiu com um sorriso: “Muito bem, então eu devo continuar com essas roupas por mais um pouco de tempo...”

“E como acordo, não tocarei na seita, nem mudarei nada, então você pode continuar os dias normalmente. A menos que a seita esteja em perigo, eu não intervirei com seus negócios.” Ele continuou.

“E quanto a ele?” Liu Lanzhi apontou para o corpo de Li Qiang e perguntou.

“Eu deixarei o corpo dele e o anúncio de um novo Patriarca com você. Mesmo se você tiver que mentir para todos dentro da seita, eu não quero muita comoção, pois eu odeio barulho.” Ele respondeu, essencialmente deixando todas as responsabilidades da morte de Li Qiang para ela.

Se sentindo amarga, Liu Lanzhi assentiu: “Eu entendo.”

“Bom. Então eu devo partir por enquanto. Se você precisar de algo comigo, você pode me contatar usando esse Pergaminho de Jade.”

Su Yang jogou para ela um Pergaminho de Jade feito puramente para comunicação antes de se virar e aproximar da janela novamente, Liu Lanzhi observou ele partir sem dizer uma palavra, apesar de suas muitas perguntas para ele.

Neste momento, tudo o que ela queria era que ele partisse rapidamente para que finalmente pudesse organizar sua mente caótica, sem falar que ela teve que pensar em uma desculpa para a morte de Li Qiang e o repentino surgimento de um novo Patriarca sem causar muita comoção na seita.

“Ahhhh... por que isso está acontecendo?” Liu Lanzhi murmurou com uma voz atordoada.

....

Su Yang retornou para seu alojamento depois de deixar o Pavilhão Yin Yang, onde Qiuyue pacientemente esperava pelo seu retorno.

“Você ainda está acordada? Embora cultivadores no seu nível não precisem de muito sono, você parece cansada. Durma um pouco, ou então isso afetará sua linda pele.” Disse Su Yang para Qiuyue no momento que retornou, fingindo não estar ciente da vigilância oculta dela.

Qiuyue assentiu silenciosamente.

Ela então descruzou a perna da sua posição de lótus e deitou na cama, tratando-a como se fosse sua própria cama.

Su Yang só podia sorrir para as ações dela e decidiu deixá-la sozinha.

No entanto, assim que ele se virou, uma voz doce e baixa ressoou.

“Me conte uma história como você costumava fazer...” Murmurou Qiuyue, seu olhar encarando as costas dele com um sentimento de solidão.

Parando seus passos, Su Yang falou com um sorriso no rosto: “Qual história você prefere esta noite, minha pequena princesa mimada?”

Essa era a frase que ele regularmente usaria sempre que ela pedia para ele contar uma história de ninar.

“A história da garota mortal que viajou o universo em busca de seu pai desaparecido− se tornou uma das minhas favoritas desde que ouvi pela primeira vez...” Ela respondeu.

“Eu sei.” Disse Su Yang: “De todas as centenas de histórias que eu te contei, a única história que você sempre me pediu para recontar foi essa.”

Su Yang então sentou na cama ao lado dela e começou a narrar a história com uma voz suave, enquanto Qiuyue lentamente fechava os olhos para ouvir.

“Havia uma jovem garota chamada...”

“Ela amava seu carinhoso pai, que trabalhava até cair de exaustão para alimentar ela, muito carinhosamente...”

“Mas um dia, ele de repente desapareceu como um fantasma...”

“Devastada pelo desaparecimento de seu pai, ela partiu em uma jornada para procurar por ele...”

“Na sua jornada, ela tinha abatido incontáveis demônios e feras, até se tornando famosa pelo mundo...”

“Entretanto, ela não desistiu e continuou procurando...”

“Um dia, ela rompeu as limitações de um humano e subiu mais alto que qualquer cultivador no mundo...”

“Eventualmente, ela chegou em um ponto onde foi capaz de atravessar as estrelas e viajar pelo céu estrelado...”

“Incontáveis anos se passaram desde que ela começou sua jornada na busca pelo seu pai, mas as chances de seu pai que era um simples mortal quando desapareceu ainda estar vivo a esta altura era inexistente...”

“Porém, apesar de já estar ciente de tais fatos anos atrás, a filha obstinada continuou olhando para o dia em que seu pai apareceria diante dela o dia todo...”

“Enfim, ela se tornou uma das existências mais fortes no universo com poder de influenciar até mesmo destino...”

“Ela então viajou para um local mítico onde almas irracionais esperavam para reencarnar, com algumas almas ali tendo existidas por milhares de anos...”

Qiuyue havia dormido a muito tempo no momento que Su Yang chegou naquele ponto, seu rosto tão lindo quanto uma fada adormecida e tão pacífica quanto um bebê que estava dormindo profundamente.

Su Yang parou de contar a história e alcançou o rosto dela que estava manchado com lágrimas com suas mãos, limpando os rastros de lágrimas do rosto suave dela. Ele se levantou da cama e saiu do quarto depois de pouco tempo, fechando a porta atrás dele.

“Haaa...” Su Yang soltou um suspiro profundo uma vez que ficou sozinho, seu olhar aparentemente cheio com incontáveis pensamentos quando ele lembrou da história da jovem garota tentando achar seu pai.

E pelo restante da noite sombria, Su Yang sentou na sala de estar em silêncio, aparentemente em pensamentos profundos.

Por Blue Sparky | 23/02/21 às 00:03 | Artes Marciais, Harém, Adulto, Cultivo, +18